Música Amigo Aí do Som – XIV Festival de Mpb de Pereira Barreto

Compartilhe:

{mp3remote}https://www.pereirabarreto.sp.gov.br/images/stories/audio/mpb14/13-amigo-ai-do-som-sergio-castanheira.mp3|900|22|1{/mp3remote}

{tab=Letra}

 

Amigo aí do som

Não tá bom, meu violão está faltando agudo

Não tem grave, não tem médio, não tem nada nesse mundo

 

Que mereça essa timbragem que você chama de equalização

 

Amigo aí do som

Pelo sim ou pelo não eu vou ser bem sincero

Um pouquinho de cuidado é somente o que eu peço

 

Pois do jeito que está é melhor tocar sem amplificação

Não me olhe com essa cara que

Você está me olhando agora

 

Eu pedi um pedestal pro microfone há meia hora

E um pouquinho de “reverb” pra adoçar a minha voz

 

 

 

 

Não se faça de feroz

Eu sei que lá no fundo, bem no fundo,  fundo mesmo.

 

Você é um cara bom, um coração, um bom sujeito.

Que faz cara de mau, mas que só quer o meu melhor.

 

Mas eu não posso deixar de te falar com toda sinceridade

 

Esse som que tu fizeste beira a precariedade

O cinismo, o desprezo, a incompetência plena.

Tenha santa paciência

 

Eu “tô” insatisfeito e você orgulhoso

Diz que é meu violão que não tem som, é horroroso!

Pois isto é frustração de não ter dom de não saber tocar

        

 

{tab=Artista} 

 

LETRA

 

SÉRGIO CASTANHEIRA

 

INTÉRPRETE

 

SÉRGIO CASTANHEIRA

 

CIDADE

 

RIO DE JANEIRO-RJ

 

{tab=Data de apresentação}

Sexta-Feira 10/10/2013

13ª Música da noite
{/tabs}

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *