Alunos da EMEB Profª Celda Mello Oliveira participam do Projeto de Robótica Espacial

Compartilhe:

O projeto leva aulas de robótica a distância, por meio de uma plataforma virtual, para crianças que ainda não conheciam o universo da programação

O empenho do Prefeito João de Altayr Domingues contemplou Pereira Barreto com um projeto inovador de Robótica Espacial. No município, 30 alunos do 4º ano da EMEB Profª Celda Mello Oliveira estão participando, no contra turno, das aulas oferecidas através de uma plataforma digital. Ao término do curso a escola receberá uma premiação. O projeto é realizado pelo FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação), ligado ao Ministério da Educação, através de parcerias com a Universidade de Brasília (UnB) onde foi criado o projeto-piloto Robótica Espacial. Ele é inspirado no projeto Artemis, liderado pela NASA, que vai levar uma missão para a lua, transportando a primeira mulher, e que conta com a participação do Brasil, por meio da AEB (Agência Espacial Brasileira). 

As crianças aprendem através de uma plataforma totalmente virtual que ensina os princípios da robótica e da programação de forma lúdica, interativa e muito divertida. A programação e a robótica fazem o aluno desenvolver o lobo esquerdo do cérebro, responsável pelo raciocínio lógico, analítico e crítico, importante para inúmeras situações, inclusive o aprendizado de matemática, geometria, física e química.

A robótica educacional leva o aluno a organizar pensamentos e decisões diante dos desafios de projetos de criação e desenvolvimento. A partir disso, sua capacidade de organização tende a melhorar de uma maneira geral. Estudos indicam que a robótica fortalece a capacidade de inovação, criatividade e raciocínio logico, inspirando jovens a seguirem carreiras no ramo da ciência, tecnologia, engenharia e matemática, áreas consideradas estratégicas para as “profissões do futuro”.

A plataforma usa simuladores para mostrar aos estudantes, de forma bem realista, a montagem de um robô Rover Vehicle, inspirado no projeto Artemis, liderado pela NASA, do qual o Brasil faz parte, por meio da AEB.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *