Prefeito Joãozinho participa de videoconferência que reivindicou continuação dos atendimentos no AME de Andradina

Compartilhe:

Governo do Estado de São Paulo anunciou nos últimos dias que o ambulatório de especialidades passará a funcionar como hospital de campanha para tratamento da Covid-19.

O Prefeito da Estância Turística de Pereira Barreto, Joãozinho, participou na tarde desta terça-feira (16) de uma videoconferência juntamente com outros prefeitos da região e um assessor da Secretaria Estadual de Desenvolvimento Regional de São Paulo, que visou reivindicar a continuidade das atividades do Ambulatório Médico de Especialidades (AME) de Andradina.

No último dia 9 de março, o Governador do Estado de São Paulo, João Dória, anunciou que o AME de Andradina passará a funcionar como hospital de campanha para tratamento de pacientes com Covid-19 e que contará com 10 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e 10 de enfermaria. Com a decisão, as atividades corriqueiras do AME, como atendimentos médicos e não médicos, exames e cirurgias de baixa e média complexidade, serão suspensas.

Dessa forma, os prefeitos da região organizaram a reunião por videoconferência para solicitar que o AME de Andradina não se torne hospital de campanha e que os 20 novos leitos sejam criados em outro espaço, mantendo as consultas, exames e cirurgias que já estão agendadas.

Porém, a Assessoria de Imprensa da Secretaria Estadual da Saúde informou que não há tempo hábil e nem outra possibilidade de mudar o local do hospital de campanha do AME de Andradina para outro prédio, visto que já foram tomadas medidas de adequação do prédio que hoje abriga o AME, como a compra de usina de oxigênio medicinal, instalação de dutos para o fluxo de oxigênio, equipamentos e até abertura de processo seletivo para contratação de médicos, enfermeiros e outros profissionais da saúde para atenderem no local.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *